Cris.dk

 

Igrejas da Dinamarca

 

 

As igrejas mas conhecidas são provavelmente a igreja de mármore e a igreja de Roskilde. Eu sou particularmente fã de visitar igrejas e há várias igrejas bonitas na Dinamarca. Em muitas delas há concertos e recitais de música clássica ou apresentação de coros.

A maioria das igrejas dinamarquesas são protestantes luteranas. Os dinamarqueses em geral não são muito religiosos e só vão à igreja em ocasiões especiais como batizados, casamentos, enterros e na páscoa e natal.

Igreja de Mármore

A igreja de Frederico (Frederiks Kirke), mais conhecida como a igreja de mármore fica na proximidade do castelo real de Amalienborg, a morada da atual raínha da Dinamarca.

Essa igreja tem a terceira maior cúpula do mundo. (A maior é da Basílica de São Pedro no Vaticano e a segunda é a da catedral de São Paulo em Londres).
No entanto é uma igreja bem pequena. Somente o salão central está aberto à visitação. A entrada é franca. É um bom lugar para sentar em paz e meditar. E acredite se quiser, mesmo sendo a igreja do castelo, como ela pertence ao estado, qualquer cidadão pode agendar batizado ou casamento aqui.

Na página inicial do site oficial dessa igreja há um show de slides bem legal. Vale a pena conferir. Clique na imagem ao lado para ver o álbum.

 

 

Catedral de Roskilde

Situada na cidade de Roskilde, à beira da baía de mesmo nome, nessa igreja estão enterrados todos os reis dinamarqueses, inclusive alguns reis Vikings como o Harald Dente-azul e o Sven Barba-bifurcada.

O altar é muito bonito e alguns sarcófagos são divinos, esculpidos em mármore. Outros túmulos estão no subterâneo e chega a dar um arrepio visitando esses caixões nos corredores escuros.

A entrada nessa igreja é paga e há a opção de escolher entrada com acesso ao museu ou não. Honestamente, das muitas vezes que visitei essa igreja, só escolhi visitar o museu uma vez. Achei pequeno e o guia obrigatório foi muito cansativo. Mas como isso já faz uns anos, pode ser que agora as coisas estejam diferentes.

Na cidade de Roskilde encontra-se também o museu do Viking. Acho a o preço da entrada um pouco apimentado, porém há coisas interessantes para ver ali. Clique na imagem para ver o álbum.

 

 

Igreja de Santo Albano

A única igreja anglicana em Copenhague. A localização é privilegidada, entre a cidadela e o chafariz Gefion (Gefionspringvandet).

Num dia que eu estava passeando na área, o padre estava na porta chamando as pessoas para dentro da igreja. Lá ele perguntou qual era o meu idioma preferido e me entregou um panfletinho em português contando a história da igreja. Muito simpático. A igreja é bonitinha por dentro.

 

 

 

Igreja do Espírito Santo

Bem no centro de Copenhague, na rua de pedestres (Stroeget). Aqui os concentos noturnos de canto gregoriano e recitais de música clássica são comuns. Atividades na igreja durante a noite também.

Eu entrei nessa igreja por acaso e fiquei admirada com a beleza das pinturas. Quem está na rua de pedestres normalmente só presta atenção às lojas ou ao teatro de rua. Se você está próximo à fonte da cegonha (Storkespringvandet) e a caminho da prefeitura, então a igreja está ao lado direito da rua.

Clique na imagem para ver o álbum.

 

 

Outras igrejas

Há inúmeras igrejas bonitas que valem uma visita e proporcionam belas fotos.

 

Outros pontos turísticos

 

Topo da página